Você já ouviu falar da trilha das 7 praias de Ubatuba? A primeira vez que me falaram dela tomei um susto. Como alguém em sã consciência faz uma trilha em 7 praias no mesmo dia? Mas é bem isso mesmo. Em um único dia você consegue visitar todas essas praias maravilhosas localizadas em Ubatuba.

Praia da Lagoinha

A trilha é de nível médio e pode ser feita por criança e até mesmo idoso, mas desde que tenha disposição e gostar de estar em contato com a natureza, pois são 10km de caminhada e aproximadamente 5 horas de duração. Guarde 1 dia completo para realizar a caminhada e chegue bem cedinho, para aproveitar o que cada uma tem de melhor.

Ela começa pela praia da Lagoinha e finaliza na da Fortaleza, é possível fazer por conta própria por ser bem sinalizada, ou se preferir contratar uma agência de turismo.

Recomendo algumas agências localizadas em São Paulo, a Gata’s Tur, que oferece transfer (saindo da estação Vila Mariana do metro) até a trilha e oferece guias especializados e credenciados pela Embratur (durante todo o ano), ou a Pisa Trekking,  que traz pacotes que contemplam o translado, lanche da trilha, guias especializados e seguro viagem(opcional), somente no verão, e as saídas são da estação Vergueiro do metro .

Se estiver por conta própria é interessante ir com dois carros, pois tem a opção de deixar um na Praia Fortaleza, onde termina o percurso, e seguir de carona até a praia da Lagoinha. Se não for o caso, existem embarcações para fazer a volta, em torno de R$100 ou negociar com algum nativo um valor fixo (que sai bem mais em conta).

A sugestão é levar uma mochila com água, lanches rápidos, protetor solar e, se tiver, máscara de snorkeling, pois algumas praias dão o privilégio da vida marinha. Vamos começar?

Praia da Lagoinha

 

praiadalagoinha

Onde toda a trilha começa. A praia é uma das poucas que possui infraestrutura completa de comidas e bebidas durante o percurso, então se esqueceu de algo, aproveite para comprar aqui ou vai demorar a achar outro lugar. De água bem calma e limpa, ideal começar a caminhada apreciando a paisagem.

Praia do Oeste

Praia do Oeste

Com uma faixa de areia bem extensa e fina, muita vegetação e pedras, posso resumir a segunda praia da nossa trilha, que é perfeita para tirar fotos e ainda aproveitar o sol do início do dia. 

Praia do Peres

Praia do Peres

Praia de pequeno porte e não foge muito do padrão da Praia do Oeste. Aqui você vai encontrar barcos de pescadores, um bar e algumas casas no entorno, formando o charme do local. A praia é indicada também para a prática de pesca, atraindo muitos turistas, principalmente pelo fácil acesso, já que ainda é a nossa terceira praia.

Praia do Bonete

Praia do Bonetinho - Ubatuba

Quanto mais se anda, mais se foge da agitação da cidade. A praia do Bonete é tão tranquila de movimento que até o mar preferiu ser calmo. Praia levemente tombada e onde você pode tirar a máscara de snorkeling da mochila, pois em alguns pontos se concentram peixes já acostumados com a presença de turistas. Também composta por uma comunidade de pescadores que servem pratos típicos da região (quem sabe o almoço não fica por aqui?).

praiadobonete

Praia Deserta

 

Praia Deserta

O próprio nome já diz, não se vê muita gente por pela Praia Deserta. Se for acampar, é uma opção interessante. Se for continuar o destino, pare para apreciar um pouco a paisagem e o som da natureza.

Praia do Cedro

Praia Cedro e Deserto -Ubatuba

Esta praia é uma ótima opção para dar aquela pausa e fazer um mergulho. A fauna marinha é bastante rica e a melhor atração é a piscina de águas naturais. Os nativos comentam que o nome da praia foi batizado por causa da vegetação, coberta por árvores do Cedro. Praia com pouca infraestrutura por ser mais isolada, mas é possível alugar caiques e stand up paddle.

Praia da Fortaleza

Praia Fortaleza, em Ubatuba

É aqui, na Praia da Fortaleza, em Ubatuba, que termina a nossa trilha. Considero esta praia fantástica e uma das mais belas de toda a trilha. Um grande paraíso para ter aquela sensação de missão dada é missão cumprida. Mar calmo, águas misturando tons de azul, piscina natural e muitos peixes para sentir o relaxamento merecido.

É claro que você pode fazer o caminho inverso. Tem quem prefere, pois o mais difícil fica para o começo e depois vai moderando. Passou cinco horas e mais uma trilha concluída! Trekking é uma das atividades que mais gosto de fazer quando viajo. Só assim tenho a impressão que realmente conheci o lugar.

Ah, e se você quer curtir uns dias no litoral, que tal estes outros artigos e dicas:

Os hotéis pet friendly do litoral

O pôr do sol inesquecível de Boiçucanga

O melhor da praia de Juqueí

A capital do surf, Maresias

 

Aloha!

Gostou, compartilhe com os seus amigos.